Argo vence no Sindicato dos Produtores e põe fogo na disputa pelo Oscar

Argo, de Ben Affleck, foi o vencedor do prêmio do Sindicato dos Produtores da América (Producers Guild of America, ou simplesmente PGA). Depois de vencer o Globo de Ouro há algumas semanas, o longa de Affleck surpreendeu (será?) e sagrou-se o filme do ano na opinião dos produtores.

O mais curioso de tudo isso é que agora está tudo aberto novamente na corrida pelo Oscar. Se Lincoln e O Lado Bom da Vida partiam na frente como os grandes favoritos da noite, principalmente após a não indicação de Affleck, Kathryn Bigelow (por A Hora Mais Escura) e Tom Hooper (por Os Miseráveis) ao prêmio de Direção, já não se pode mais afirmar que ambos são os únicos filmes a terem reais chances de levar o prêmio de Melhor Filme da Academia.

Das últimas 23 edições do PGA, em apenas sete o vencedor do prêmio do Sindicato não foi o mesmo do Oscar. Nos últimos 10 anos, isso aconteceu apenas três vezes. Nos últimos cinco, nenhuma. Ou seja, de acordo com a retrospectiva das duas premiações, quem vence o PGA dificilmente sai do prêmio da Academia sem a mesma honra.

Fato semelhante acontece na categoria de Melhor Filme de Animação, que existe no PGA desde 2005 e em apenas duas vezes o vencedor não foi o mesmo do Oscar. Em 2006, quando Carros venceu o PGA e perdeu o Oscar para Happy Feet, e no ano passado, quando As Aventuras de Tintim foi o preferido pelos produtores, mas perdeu o prêmio da Academia para Rango. Neste ano, a animação vencedora foi Detona Ralph.

Vale ressaltar que neste ano aconteceram algumas mudanças em relação às votações para o Oscar. Além da data da entrega dos votos (e da premiação) ter sido adiantada, os votantes fizeram suas apostas online. Muita gente deixou de votar. Muita gente não votou em todas as categorias. E muita gente, como nós sabemos, sequer sabe como usar um computador, já que a maioria dos votantes da academia são idosos.

Assim como as indicações demonstraram algumas surpresas, boas, diga-se de passagem, não é de se surpreender, agora, que a premiação também tenha das suas. Já que a Academia não se cansa de nos surpreender negativamente, que venha agora uma nova fase ao prêmio. E que a sorte esteja lançada!

Veja abaixo a lista com os vencedores do PGA Awards, incluindo os prêmios de TV.

Melhor Filme
Argo

Melhor Filme de Animação
Detona Ralph

Melhor Documentário
Searching for Sugar Man

Melhor Filme de TV
Virada no Jogo

Melhor Série de Drama
Homeland

Melhor Série de Comédia
Modern Family

Melhor Série Online
30 Rock: The Webisodes

Melhor Programa de Não-Ficção
American Masters

Melhor Talk-show ou Programa de Variedades
The Colbert Report

Melhor Programa de Competição
The Amazing Race

Melhor Programa de Esportes
Real Sports with Bryant Gumbel

Melhor Programa Infantil
Sesame Street

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someone

Jornalista e crítico de cinema. Coautor do livrorreportagem Cine Belas Artes: Um Olhar Sobre os Cinemas de Rua de São Paulo. Acha O Poderoso Chefão o melhor filme do mundo, mas torce todos os dias para assistir a algum que o supere. Ainda não encontrou, mas continua buscando. E-mail: carlos@setimacena.com // Letterboxd: @CarlosCarvalho